Exercício de Física - Óptica - Lentes Esféricas


#1

Qual a resolução?
Gab.: B

(UFMG) Rafael, fotógrafo lambe-lambe, possui uma
câmara fotográfica que consiste em uma caixa com
um orifício, onde é colocada uma lente. Dentro da
caixa, há um filme fotográfico, posicionado a uma
distância ajustável em relação à lente.
Essa câmara está representada, esquematicamente,
na Figura 1.
Para produzir a imagem nítida de um objeto muito
distante, o filme deve ser colocado na posição
indicada, pela linha tracejada. No entanto, Rafael
deseja fotografar uma vela que está próxima a essa
câmara. Para obter uma imagem nítida, ele, então,
move o filme em relação à posição acima descrita.
Assinale a alternativa cujo diagrama melhor
representa a posição do filme e a imagem da vela que
é projetada nele.

Link com a imagem (Questão 03): http://projetomedicina.com.br/site/attachments/article/430/fisica_optica_lentes_esfericas_exercicios.pdf


#2

Alternativa B
A melhor posição do filme é justamente onde irá incidir a refração ou seja a mesma distância que a vela está da lente da câmera e a imagem projetada será invertida tal qual em nosso cérebro a lente funciona no caso como a retina e essa imagem projetada terá novamente a mesma distância que a vela tinha da lente,pois o ângulo de Incidência é igual ao ângulo de refração,um entra e o outro sai mas ambos na mesma distância já que tem o mesmo ângulo.
Se eu estiver falando asneiras por favor algum professor me corrija.


#3

Acho que você confundiu refração e reflexão…
Ângulo de incidência é igual ao de reflexão!
A refração ocorre quando há mudança de meio - como no caso das lentes - e, consequentemente alteração do angulo (com exceção dos raios que incidem paralelamente à normal) e da velocidade do raio, devido aos diferentes índices de refração (n) dos meios.

Concordo quando diz que a imagem será real e invertida, já que somente imagens reais podem ser projetadas.


#4

Oi, Beatriz, tudo bem? :smiley:

Qual a sua dúvida exatamente? Você parece saber bem os conceitos, então às vezes você só está errando por distração ou algum detalhe.
Acho que Aline talvez só trocou os termos ou pensou na passagem entre o raio e a lente especificamente.
Obs: achei boa a idéia de relacionar com o nosso olho

Sobre o exercício:
No primeiro caso, o filme localiza-se no foco da lente. Isso ocorre pois os raios que incidem do infinito passam pelo foco da lente de acordo com os raios notáveis. Com isso, entende-se que é uma lente convergente, pois os raios convergem no foco. Porém, um objeto próximo a lente necessitará de um ajuste do filme. Você percebe que o objeto foi colocado na distância equivalente a duas vez a distância do foco da lente. Além disso, pelas alternativas você percebe que a imagem terá o mesmo tamanho que o objeto. Assim, para você saber qual das alternativas é, você precisaria fazer um desenho (ou ter a construção de imagens de lentes já bem decoradas na sua cabeça, o que não é meu caso HAHAHA). Se você fizer um desenho com a lente e o objeto colocado no anti-principal (duas vezes a distância focal), você terá uma construção similar a essa:

image

Com isso, chegaríamos a alternativa correta.

Eu tenho muita dificuldade em óptica (extrema), então não sei se expliquei corretamente, porém algum professor poderá verificar mais tarde!

De qualquer forma, espero ter ajudado! :blush::blush:


#5

Olá, boa noite! :blush:
Não consegui ter essa percepção de distância… mas analisar o tamanho do objeto e de sua imagem seria uma boa, pois havia concluído que a linha tracejada seria o foco. Vou prestar mais atenção nisso de agora em diante! :joy:
Obrigada!

Pesquisando de maneira mais profunda, encontrei uma passagem que dizia que em câmeras profissionais simples (em que só é utilizada uma lente, como na questão), se o objeto estiver distante, a imagem estará perto da lente e vice-versa. Já em câmeras que possuem mais de uma lente, para objetos distantes, a distância focal deve ser grande; objetos próximos, pequena distância focal.
Talvez ajude em algo…


#6

Não sei se faz sentido, porém a linha tracejada é o filme e a mais escura é a imagem formada no filme. Observem que em lentes convexas(usadas em máquinas fotográficas) não há imagem formada entre o foco(onde está o filme) e a lente apenas tendo a virtual formada atrás do objeto ou real formada atrás do foco(onde está o filme), então exclui a alternativa “a”, “c” e a “d”, sobrando apenas a “B”.