Interpretação de Augusto

interpretação

#1

rede
augusto pesca piabinha –
piabinha augusto não quer;
augusto pesca pacu –
pacu augusto quer;
augusto pesca peixe
enquanto eu tento pescar poesia
no anzol da pescaria
que augusto não tentaria,
não consigo a facilidade
de augusto
e nem a fartura da pescaria,
mas continuo tentando
pescar, como os peixes de augusto,
versos de alguma poesia…
Da comparação construída pelo poema entre o poeta e augusto, pode-se dizer que:

a)Apenas augusto consegue pescar.
b)Ambos conseguem fartura na pescaria.
c)O poeta, como augusto, escolhe seus pescados.
d)Há uma proximidade entre os atos de fazer poesia e de pescar.
e)A dificuldade no fazer poesia é comparável à dificuldade da pescaria.
GABARITO LETRA C
(eu acreditei ferozmente que fosse a letra E, alguém poderia me da uma luz acerca de como interpretar essa questão?)


#2

Oi, Eliel, tudo bem? Espero que sim! :smiley:

Note que Augusto, o pescador, tem facilidade para pescar, enquanto que o poeta não tem a mesma facilidade. A facilidade do pescador pode ser notada quando o próprio poeta comenta sobre isso

“não consigo a facilidade
de augusto”

Na minha interpretação, o poeta não tem a mesma fartura ou facilidade, porém continua a pescar, assim como Augusto.

Foi como interpretei. Questões assim sempre costumam dar divergências hehe
Qualquer coisa é só falar


#3

obrigadin :smile::smile::smile::smile:


#4

imagina! :raising_hand_woman:t2: