Interpretação - enem


#1

Boa noite! Não entendi a lógica dessa questão

Um construtor precisa revestir o piso de uma sala retangular. Para essa tarefa, ele dispõem de dois tipos de cerâmicas :
a) cerâmica em forma de quadrado de lado 20cm, que custa 8 reais por unidade
b) cerâmica em forma de triângulo retângulo isósceles de catetos com 20cm, que custa 6 reais por unidade.
A sala tem largura de 5m e comprimento de 6m
O construtor deseja gastar a menor quantia possível com a compra de cerâmica. Sejam x o número de peças de cerâmica de forma quadrada e y o número de peças de cerâmica de forma triangular.
Isso significa, então, encontrar valores para x e y tais que 0,04x + 0,02y ≥ 30 e que tornem o menor possível valor de
a) 8x + 6y
b) 6x + 8y
c) 0,32x + 0,12y
d) 0,32x + 0,12y
e) 0,04x+ 0,12y


#2

x = número de peças quadradas
8 = valor unitário em reais de cada peça quadrada

y = número peças triangulares
6 = valor unitário em reais de cada peça triangular

Valor total da obra:
8x + 6y


#3

Sara, Oi ^^ … Acho que saquei sua dúvida, porque ela era bem semelhante a minha
Mas saca só:

x ---- N° de peças quadradas
y---- Nº de peças triangulares

O Quadrado tem 20cm de lado = 0,2m
A área dele vai ser 0,4 m²
O Triangulo tem 20cm em cada cateto, fazendo a manjada área do Triangulo temos que
A área dele vai ser 0,2 m²
Logo,

A equação dada 0,4x + 0,2y >= 30 diz respeito a ÁREA da sala ( 5m x 6m )
Ou seja, essa é a equação para o obter a menor quantidade possível pra preencher a sala

Aí o exercício pede implicitamente a equação para o menor preço possível a se pagar

Preço = Qtd x valor unitário

Aí é simplesmente multiplicar o valor dado pra cada peça – Quadrado R$ 8,00
– Triangulo R$ 6,00
Pela quantidade de cada peça — x e y, respectivamente

Ai fica
8x + 6y


#4

que bonita a sua respostar, Carlos! :blush: