David Hume Filosofia

Olá, pessoal! Tudo bem? De início, gostaria de pedir desculpas se não coloquei no tópico certo, essa é a primeira vez que estou usando o fórum. Fiquei com dúvida nessa questão sobre David Hume. O gabarito é letra D, mas botei letra A. Agradeço desde já!

(UEL 2010) Leia o texto a seguir:
O principal argumento humeano contra a explicação da inferência causal pela razão era que este
tipo de inferência dependia da repetição, e que a faculdade chamada “razão” padecia daquilo que
se pode chamar uma certa “insensibilidade à repetição”, ou seja, uma certa indiferença perante a
experiência repetida. Em completo contraste com isso, o princípio defendido por nosso filósofo, um
princípio para designar o qual propôs os nomes de “costume ou hábito”, foi concebido como uma
disposição humana caracterizada pela sensibilidade à repetição, podendo assim ser considerado
um princípio adequado à explicação dos raciocínios derivados de experiências repetidas.
(MONTEIRO, J. P. Novos Estudos Humeanos. São Paulo: Discurso Editorial, 2003, p. 41)
Com base no texto e nos conhecimentos sobre o empirismo, é correto afirmar que Hume
a) atribui importância à experiência como fundamento do conhecimento dedutivo obtido a partir da
inferência das relações causais na natureza.
b) corrobora a afirmação de que a experiência é insuficiente sem o uso e a intervenção da razão
na demonstração do nexo causal existente entre os fenômenos naturais.
c) confere exclusividade à matemática como condição de fundamentação do conhecimento acerca
dos fenômenos naturais, pois, empiricamente, constata que a natureza está escrita em caracteres
matemáticos.
d) demonstra que as relações causais obtidas pela experiência representam um conhecimento
guiado por hábitos e costumes e, sobretudo, pela crença de que tais relações serão igualmente
mantidas no futuro.
e) evidencia a importância do racionalismo, sobretudo as idéias inatas que atestam o nexo causal
dos fenômenos naturais descobertos pela experiência.

Oii, @ovelhinha_07

Hume pergunta sobre qual a natureza de todos os raciocínios humanos sobre os fatos e
qual o fundamento de todas as conclusões derivadas da experiência. O filósofo conclui
que todos os fatos são exteriores entre si. Neles, não há nada de interior e intrínseco
que os relacione necessariamente uns aos outros. A relação de causalidade é uma
crença baseada no hábito. Hume indica que os homens associam ideias e acreditam
nessa associação por força do hábito ou costume. Por isso, a D

Espero ter ajudado.
Bons Estudos :books:

1 Curtida

postou tudo certinho! Seja bem-vind@ ! Espero que goste daqui! :blush:

2 Curtidas