Gabarito
ENEM

Estude com provas de anos anteriores do ENEM de 2009 até 2019, questões com resolução passo a passo, gabaritos completos e mais!

VER GABARITO

Provas do ENEM de 2009 a 2019

Fique mais preparado para o ENEM 2020 resolvendo questões de provas anteriores. Conheça o banco de provas do Me Salva!

Provas do ENEM em formato de Simulado

Estude e teste os seus conhecimentos resolvendo questões de ENEM anteriores. Temos todas as edições das provas, de 2009 até 2018.

Resoluções completas

Todas as questões contam com resoluções passo a passo, feitas e comentadas uma a uma pelos professores do Me Salva!

Fácil de usar e GRATUITO

Aqui você só baixa e imprime PDFs se quiser. Está tudo online para você treinar e estudar do jeito que preferir, e o melhor: de graça!

Questões e Gabaritos de ENEM anteriores

Treine para as provas resolvendo questões do ENEM de anos anteriores: online, ou com as provas em pdf para download. Escolha o ano, a prova e comece a estudar.

Veja também

Dúvidas mais comuns sobre o Gabarito do ENEM

Existem dois tipos de gabaritos: os extraoficiais liberados pelos cursinhos e portais de notícias e o oficial, liberado pelo INEP três dias após as provas do 1º e o 2º dia. Abaixo a gente explica o que você deve saber antes, durante e depois da prova:

Antes da Prova

Que dia é a prova do ENEM 2020?

As provas do ENEM 2020 já estão com data marcada e acontecerão nos dias 01 e 08/11. No primeiro final de semana são aplicadas as Provas de Redação, Linguagens e seus Códigos e Ciências Humanas e no final de semana seguinte, normalmente, são aplicadas as provas de Matemática e suas Tecnologias e Ciências da Natureza.

Horário da Prova do ENEM?

De acordo com a dinâmica deste ano e de anos anteriores os estudantes devem chegar até às 13h, os portões dos locais de provas fecham neste horário. No primeiro dia de provas, normalmente, o horário de término é às 19h, e no segundo dia a prova vai até até 18h30.

Que horas acaba a prova do ENEM?

Nas últimas edições do ENEM o primeiro dia de prova foi até às 19h e o segundo dia foi até às 18h30. Isso pode variar de ano para ano, de acordo com o Edital. O horário mínimo para sair é de no mínimo 2h após o início da aplicação, ou seja, a partir das 15h30.

O que levar para o ENEM?

De acordo com as últimas edições da prova do ENEM é:

Obrigatório:
- Caneta esferográfica de tinta preta e fabricada em material transparente;
- Documento oficial de identificação, original e com foto.

Aconselhável:
- Cartão de confirmação de inscrição;
- Declaração de Comparecimento impressa (caso precise do documento).

O que NÃO levar para a prova?

Borracha; Corretivo; Chave com alarme; Chapéus e Bonés; Anotações, livros, manuais ou qualquer material que possa ser consultado; Lápis; Lapiseira; Régua; Óculos escuros; Caneta de material não transparente; Dispositivos eletrônicos (wearable tech, calculadoras, agendas eletrônicas, telefones celulares, smartphones, tablets, ipods®, gravadores, pen drive, mp3, relógio, alarmes); Fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados imagens, vídeos e mensagens.

Onde vejo meu cartão de confirmação da inscrição?

O cartão de confirmação será liberado a partir de outubro na página do participante enem.inep.gov.br/participante. Com o cartão você terá o seu número de inscrição, datas, horários e o seu local das suas provas. No cartão você terá também a indicação do(s) atendimento(s) especializado(s) aprovado(s), caso você tenha solicitado, e também a opção de língua estrangeira que você escolheu para fazer a prova.

Como NÃO se atrasar para o ENEM?

Depois de saber o seu local de prova, com a consulta do cartão de confirmação do ENEM, vá no Google Maps e simule o tempo que você levaria até o local. Se possível faça o trajeto, como você faria no dia da prova, um dia ou dois antes, assim você conseguirá saber com certeza o tempo exato de deslocamento entre a sua casa e o local da prova. Considere também que o tempo do trajeto pode mudar de acordo com as condições do tempo, e também que aos finais de semana as opções de horários nos transportes públicos costumam ser reduzidas.

Durante e depois da Prova

Quando normalmente sai o gabarito oficial do ENEM?

O gabarito oficial do ENEM é liberado três dias após o término das provas. Até lá (nossa, três dias que parecem uma eternidade), você pode ter uma noção de quantas questões acertou, usando o Gabarito extraoficial do ENEM, do Me Salva!, por exemplo.

Posso confiar no gabarito extraoficial do ENEM liberado pelo Me Salva!?

Claro que sim, nossa correção prima por ser a mais confiável com a correção das questões sendo feitas uma a uma pelos nossos professores.

Quando sai o resultado do Enem?

O resultado do ENEM normalmente é liberado em janeiro, mas sabemos que se o INEP seguir a lógica dos outros anos o resultado será divulgado por volta do dias 18, 20/01.

Como faço para ver a minha nota do ENEM no 2019?

Fique ligado: quando o INEP anunciar a data exata para a divulgação dos resultados, é só entrar na página do participante com o número do CPF em mãos. Caso você seja treineiro, a consulta das notas só poderá ser feita em março.

Como calculo a minha nota do ENEM?!

Você pode utilizar a Calculadora de Notas do ENEM do Me Salva! - www.mesalva.com/nota-enem, onde fazemos um cálculo baseado na média de acertos de ENEM anteriores - com isso você pode ter uma ESTIMATIVA de quais notas você poderá ter com o seu número de acertos. Colocamos “estimativa” em maiúscula para alertar que esse cálculo é uma simulação, já que devido ao sistema de correção do ENEM, o TRI, é impossível saber antes do Resultado do ENEM a nota exata que você tirou na prova.

Como a prova do ENEM é corrigida?

A prova do ENEM é corrigida de forma automatizada, com a leitura das alternativas marcadas no cartão de resposta e por um sistema chamado - TRI (Teoria da Resposta ao Item). Somente a redação tem correção manual, feita por uma equipe de corretores treinada para os moldes de correção do ENEM.

O que é TRI - Teoria da Resposta ao Item?

A TRI - Teoria da Resposta ao Item é um sistema de correção que atribui pesos diferentes aos acertos das questões, de acordo com o nível de dificuldade da questão e o padrão de acertos de cada estudante. Basicamente a TRI atribui um valor menor ao acerto de uma questão mediana ou difícil, por exemplo, caso o estudante não tenha também acertado questões, daquela mesma prova, com nível de dificuldade menor. O sistema da TRI se baseia num padrão lógico de nível de conhecimento: se o estudante acertou a questão difícil, logo ele deverá acertar também as questões de nível médio e baixo de dificuldade. Esse sistema foi pensado para avaliar de forma pedagógica o nível de conhecimento e detectar possíveis acertos de questões que foram por sorte.